Início > Vacina

Vacina

Entenda porquê é importante imunizar o seu pet

Assim como em humanos, a vacinação é uma forma muito eficaz de proteção contra diversas doenças infecciosas que podem acometer os pets. Algumas destas, como a raiva, são extremamente sérias e podem até levar nosso melhor amigo à morte. A imunização regular ajuda a garantir vida longa aos animais, além de proteger também aqueles que convivem com os bichinhos, já que muitas doenças podem ser transmitidas dos animais aos humanos (zoonoses).

Algumas doenças infecciosas são mais frequentes em determinadas regiões e, por isso, é muito importante consultar um veterinário de sua confiança para saber quais vacinas aplicar em seu pet. A vacina antirrábica é a única obrigatória em todo Brasil. No entanto, mesmo não sendo obrigatórias, outras vacinas são extremamente importantes para os cães e gatos. A vacina polivalente (V10/V8), por exemplo, protege os cães contra cinomose, parvovirose, adenovírus tipo 2, parainfluenza, coronavírus e leptospirose, doenças bastante comuns em todo território brasileiro. Com isso, é muito importante aplicá-la ainda quando filhote, já que essa é justamente uma das fases da vida em que os cães são mais suscetíveis a essas enfermidades.

O calendário vacinal dos cães se inicia aos 45 dias de vida e, dos gatos, aos 60 dias. Para serem vacinados com segurança, é necessário que os animais estejam saudáveis – isso garantirá que a vacina seja eficaz e diminui a chance de complicações pós-vacinais. Animais que estejam se recuperando de cirurgias ou que estiveram doentes recentemente não devem ser vacinados. É importante lembrar que a maior parte das vacinas necessita de mais de uma aplicação inicial e isso significa que os animais só estarão protegidos das doenças alguns dias após a aplicação da última dose. Seguem algumas vacinas importantes e seus ciclos de aplicação:

Vacinas importantes para os cães:

Vacina antirrábica – Protege contra a raiva, zoonose fatal. Administrar a primeira dose aos quatro meses de idade, após 21 dias aplicar a segunda. É necessária a revacinação anual.

Vacina V10 – Protege o animal contra cinomose, parvovirose, adenovírus tipo 2, parainfluenza, coronavírus, hepatite infecciosa e leptospirose (cepas icterohaemorrhagiae, canicola, grippotyphosa e pomona). É administrada em quatro aplicações, iniciando-se aos 60 dias de vida, no caso de filhotes, e com intervalos de 21 a 30 dias entre as doses. É necessária a revacinação anual.

Vacinas contra a tosse dos canis, giárdia e leishmaniose também são importantes, a depender da região que você mora. Em Salvador- BA, por exemplo, existe a indicação da aplicação dessas vacinas por ser área de grande ocorrência dessas doenças.

Vacinas importantes para os gatos:

Vacina Antirrábica – O procedimento é semelhante ao indicado aos cães.

Vacina V4 – Protege os animais contra o calicivírus, rinotraqueíte, panleucopenia e clamidiose. A primeira dose deve ser aplicada depois dos 60 dias de vida do animal e a segunda após 21 dias. É necessária revacinação anual.

Vacina V5 – Além de proteger os bichanos das mesmas doenças que a quadrupla, a quíntupla protege também contra a leucemia (FELV). A primeira dose deve ser realizada a partir dos 60 dias de vida do animal, e a segunda a pós 21 dias da primeira aplicação. Antes de realizar a aplicação da V5, é importante a realização de sorologia para AIDS felina (FIV) e leucemia (FELV), estando negativo, existe indicação para vacinação. É necessária a revacinação anual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *